sexta-feira, 15 de novembro de 2013

A Loja do Noddy

Imagens/vídeos:




Informação: É verdade, meus amigos; antes do grande sucesso que foi o programa “Abram Alas Para o Noddy”, a personagem do guizo teve outros programas na televisão! Neste “A Loja do Noddy”, o Noddy é – pasmem! – uma personagem secundária! Para início de conversa, a loja nem sequer é dele. Ele é um brinquedo que está lá para uma arca que há na loja de brinquedos. Essa loja é gerida por um por um simpático homem já com uma certa idade e tem como visita constante três crianças: dois rapazes e uma rapariga. E é durante essas visitas que uma dessas crianças pega no brinquedo do Noddy e conta uma história cujo protagonista é o Noddy! Em boa verdade, essa história é que era o “must” deste programa (ai, como o Noddy faz sucesso!), mas havia sempre uma ou duas histórias paralelas que se costumavam passar na loja de brinquedos. Essas histórias giravam em torno das personagens humanas, dos próprios brinquedos da loja e dos pequenos gnomos que lá moram.

Há ainda um pormenor importante a referir: no mundo do Noddy, as personagens não têm os mesmos nomes que lhes foram dados em “Abram Alas Para o Noddy”. Já repararam que alguns livros do Noddy chamam “Polícia Apito” ao Sr. Lei? E “Goma e Cola” aos gnomos que agoram são conhecidos por “Sonso e Mafarrico”? Pois bem, são esses os nomes! Portanto, o Orelhas é o Orelhudo, o Turbulento é o Pimpinela e por aí adiante! E até vos digo mais: aqui, as personagens não abrem a boca para falar! Noddy a mexer a boca? Isso aqui não existe! O Noddy, assim como a Becas, o Barnabé e todos os outros, apenas faz expressões com a boca e sobrancelhas. Nunca os vemos a abrir a boca! E esta, hem?

Alguns episódios
- Episódio reutilizado por “Abram Alas Para o Noddy”: o Orelhudo está doente e pede ao Noddy para comprar algumas coisas para ele. O Noddy esquece-se de tudo e trás geleia com o sabor errado, meias em vez de pantufas, etc. E acaba tudo numa alegria, pois quando o Noddy volta às compras, desta vez com uma lista, leva a lista da lavandaria por engano e farta-se de comprar roupa. E o Orelhudo ri a bom rir da situação!

- Há um ladrão à solta. O Noddy e o Polícia Apito resolvem mascarar-se de marcos do correio para o apanhar em flagrante. Quando o apanham, percebemos que o ladrão era aquele que viria a ser uma personagem marcante: o marinheiro. Depois deste episódio, ele regenerou-se e passou a ser amigo de todos.

- O Noddy e a Becas vão a uma festa durante a noite e o Noddy dá boleia à Becas. Porém, como está escuro, os dois entram no carro errado! E só dão pela diferença mais tarde!

- Falando agora da loja de brinquedos…o Tomás e os seus amigos vão entrar numa espécie de gincana com uma corrida de ovo na colher. Os rivais deles querem ganhar e colam o ovo à colher, pensando que o Tomás vai fazer o mesmo. Mas ele não faz e ganha a corrida sem batota.

- Loja de brinquedos: o gnomo mais novo da família dos gnomos desata a fazer feitiços para tentar trazer de volta o papagaio onde estão os seus pais. Porém, quando lança os feitiços, falha quase sempre o alvo! O resultado é uma confusão: o Policarpo desata a voar, o polícia começa a dançar, os adultos trocam de lugar com as crianças…uma delícia!

Uma(s) voz(es): Ana Madureira; Carla de Sá; Carlos Macedo; Joel Constantino; José Neves; Peter Michael; Sandra de Castro; Teresa Madruga

Uma(s) personagem(ns): Barnabé; Cola; Dona Balbina; os gnomos; Goma; um marinheiro; Noddy; Orelhudo; Pimpinela; Policarpo; Polícia Apito; Sr. Soja; Sra. Soja; Tia Agatha; Tomás; Ursinha Becas

Genérico:

Entra na loja; é mesmo esta
Já está na hora: vamos à festa
Há sempre um objecto que não está quieto
Aqui, na loja do Noddy

É uma espécie de magia
Tudo e o Noddy hão-de ser amigos
(qualquer coisa, qualquer coisa)
(qualquer coisa) é a sério
Acreditem ou não
Aqui, na loja do Noddy


Interpretado por: Vários

Sem comentários:

Enviar um comentário